Obra de Botticelli escondia anatomia do coração humano
Um estudo publicado na revista científica "Interactive Cardiovascular and Thoracic Surgery", divulgado nesta segunda-feira (3), aponta que o pintor italiano Sandro Botticelli (1445-1510) teria retratado a anatomia do coração humano na obra "A Madonna da Romã", de 1487. O quadro evidencia Maria com o menino Jesus em seus braços, segurando uma romã.

"A disposição das sementes e dos septos na fruta cortada pela metade desenha os dois átrios do coração, os dois ventrículos e o tronco pulmonar principal", diz o especialista em medicina na arte e coordenador da pesquisa, Davide Lazzerri.

"Mesmo a coroa da romã é separada em duas partes que imitam a veia cava superior e o arco da aorta com os seus três ramos", acrescenta.

"Sabemos que ele [Botticelli] teve lições de anatomia em Bolonha, influenciado pelos livros de Mondino dei Liuzzi e Girolamo Manfredi e que seguramente entrou em contato com os desenhos de seu amigo Leonardo Da Vinci", explica o pesquisador.

Estudos anteriores já haviam sugerido que Botticelli tivesse escondido os detalhes anatômicos dos pulmões em suas duas de suas obras mais famosas: "A Primavera" e "O Nascimento de Vênus". "A Madonna da Romã" está exposta atualmente na Galleria degli Uffizi, em Florença, na Itália. (ANSA)