Polícia
Em discussão por causa de celular furtado, homem tenta esfaquear companheiro de quarto diante de policiais militares
Ocorrência foi registrada ontem em pensão no Setor 13, em Vilhena

Por Folha do Sul Online
Publicado 17/07/2021
Atualizado 17/07/2021
A A
Pixabay/PublicDomainPictures

Na tarde de ontem, a Polícia Militar foi acionada e compareceu em uma pensão no Setor 13, em Vilhena, onde havia acontecido o furto de um telefone celular.

Segundo a vítima, um homem de 40 anos, ele havia saído da pensão junto com o companheiro de 32, com quem divide um dos quartos. Após deixar o amigo na rodoviária, ele foi para o trabalho.

Quando voltou, o autor da queixa constatou que um de seus celulares não estava mais entre os pertences. Ao perguntar para as pessoas que fazem a limpeza dos quartos, a vítima foi informada que o outro pensionista havia chegado de mototáxi, entrado no local e saído.

O dono do celular furtado ligou para o suspeito, mas ele não atendeu as chamadas. Quando a guarnição da PM estava na ocorrência, o acusado se mostrava bastante exaltado.

Fazendo ameaças ao companheiro de quarto, dizendo que depois os dois “se acertariam”, o suspeito respondeu com rispidez ao ser questionado sobre o celular desaparecido.

Em dado momento do bate-boca, o homem de 32 anos que estava sendo acusado ignorou a presença dos policiais e sacou uma faca, partindo para cima do denunciante.

O caso só não acabou em morte graças à agilidade de um dos militares, que desarmou o agressor. Ele foi levado para a Unisp e será investigado por suspeita de furto, além de responder pela tentativa de esfaqueamento.

Fonte: Folha do Sul Online

Discussão   Telefone Celular   Polícia Militar   Suspeito  

Mais em Polícia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.