Rondônia
Em conjunto o Exército, Polícia Federal explode pontes clandestinas para expulsar invasores de terra indígena em Rondônia
Invasores provocam devastação em área do povo Karipuna

Por Assessoria
Publicado 24/05/2021
Atualizado 24/05/2021
A A
Foto: Assessoria

A Polícia Federal deflagra a partir desta segunda-feira (24/05/2021) a “Operação CREPITUS”, que visa colocar em prática plano de ação a ser executado na Terra Indígena Karipuna, no intuito de prevenir e reprimir a entrada de invasores na TI.

A ação é realizada em conjunto com o Exército Brasileiro, FUNAI, IBAMA, Força Nacional e PRF, e tem por objetivo proceder com a destruição de pontes clandestinas identificadas na região, bem como maquinários e outros objetos que estejam sendo utilizados para a prática de ilícitos, além de fiscalizar a presença de pessoas não autorizadas na região e eventuais crimes praticados, com a lavratura dos respectivos flagrantes.

De acordo com levantamentos realizados, há no entorno da terra indígena diversas pontes clandestinas que foram construídas por invasores, que buscam ocupar e desmatar a TI.

Ao longo dos últimos anos foram realizadas diversas operações pela Polícia Federal na região, que buscou desarticular grupos criminosos organizados que atuavam na localidade, a exemplo da Operação SOS Karipuna e a Operação Kawyra, o que reduziu consideravelmente a prática de crimes na TI Karipuna.

O nome da operação, “CREPITUS” (que significa explosão em latim), faz referência a atuação que será realizada ao longo desta semana, no intuito de destruir e/ou inutilizar pontes e outros objetos utilizados para a prática de crimes, com o uso de explosivos. Mais imagens abaixo:

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria
Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Fonte: Assessoria

Operação CREPITUS   Polícia Federal   terra indígena   Pontes Clandestinas   Força Nacional   Exército Brasileiro  

Mais em Rondônia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.