Rondônia
Prática de exercícios em casa é aliada para estabilizar a saúde física e mental
Exercício físico é vida e quando isso é colocado em prática já não há espaço para o sedentarismo

Por Jaqueline Malta
Publicado 12/04/2021
A A
Foto: Jeferson Mota, Daiane Mendonça e Edcarlos Carvalho

Após o início da pandemia do novo coronavírus, a população teve a necessidade de se adaptar em diversos âmbitos. Das formas de trabalhar ao modo de socialização, que passou a ser mais intenso em plataformas digitais, tendo ainda que se submeter à restrições para sair de casa. Diante deste cenário, muitos optaram em trazer as atividades físicas para suas residências, primando pela saúde física e mental. É com esse objetivo que o Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Esporte, Cultura e Lazer (Sejucel) destaca a importância de manter as atividades físicas em dia, mesmo em casa.

Quando colocado em prática, o exercício físico evita o sedentarismo e quem ganha com isso é o próprio sistema imunológico, que fica ainda mais fortalecido, contribuindo para a prevenção e o combate a diversas doenças, inclusive crônicas, que podem ser agravadas em decorrência da covid-19. Isto é válido para qualquer faixa etária e podem ser adaptadas conforme as condições de cada indivíduo. Já existem aplicativos específicos para auxiliar a prática de exercícios em qualquer ambiente.

De acordo com o superintende da Sejucel, Jobson Bandeira dos Santos, o avanço do comportamento sedentário é natural tendo em vista a necessidade de ficar mais tempo dentro de casa. “É possível adotar algumas práticas que auxiliam na manutenção e melhora do estado de saúde durante esse período. Há muitas atividades que podem ser praticadas em casa, como dança, agachamentos, abdominais, caminhadas, subir escadas, pular corda, praticar Yoga, fazer alongamento, praticar jogos ativos com a família, executar tarefas domésticas (jardinagem, limpeza) e participar de jogos eletrônicos com realidade virtual”, detalhou.

O superintendente explicou ainda que a Sejucel tem transmitido dicas de treino em casa com o propósito de fomentar a prática da atividade física. Profissionais de Educação Física lotados na coordenação de Esporte e Lazer estão concedendo as orientações on-line, por meio da página oficial da secretaria. “Recomenda-se que os exercícios físicos sejam de leves e moderados, já que a intensidade muito alta pode causar imunossupressão mais acentuada”.

Convém reforçar ainda a importância de beber água ao longo do dia e tomar sol nos horários adequados para a ativação da vitamina D, não esquecendo de ingerir alimentos ricos em nutrientes e vitaminas, respeitando os horários da alimentação.

SUSPEITA DE COVID-19

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o paciente com suspeita deve suspender as atividades físicas, mesmo que os sintomas se apresentem de forma leve.O repouso e a maior ingestão de líquidos devem ser respeitados e são cruciais para a recuperação.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia

Saúde   Atividades Físicas   Sejucel   Saúde  

Mais em Rondônia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.