Polícia
Baleado na cabeça em Cerejeiras, vilhenense de 46 anos morre antes de ser levado para hospital de Cacoal; Veja o Vídeo
Polícia tenta localizar dupla envolvida no assassinato

Por Folha do Sul Online
Publicado 27/01/2021
Atualizado 27/01/2021
A A
Foto: Reprodução/News Rondônia

Um homem de 46 anos, identificado pelas iniciais [A. R. T.], sobreviveu a uma tentativa de assassinato na cidade de Cerejeiras no início da noite de terça-feira, 26. Apesar de ter levado pelo menos três tiros na região da cabeça, a vítima não teve o cérebro atingido, e chegou a ser levado para o hospital ainda consciente.

Durante o atendimento, no entanto, o quadro da vítima se agravou e o homem precisou ser entubado.

De acordo com testemunhas ouvidas pela Polícia Militar, quando estava chegando em sua casa, na divisa dos bairros Anchieta e Alvorada, o homem foi abordado por dois homens em uma moto. O que estava na garupa já desceu abrindo fogo e a vítima caiu próximo ao portão, enquanto a dupla suspeita fugia da cena do crime.

Conforme uma fonte policial, o homem baleado é foragido, e já foi condenado por tentativa de homicídio. Portanto, o ataque contra ele pode ter sido vingança, embora nada ainda esteja confirmado. Vizinhos de Tavares disseram que ele reside há pouco tempo no local.

A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no pronto-socorro do Hospital São Lucas, após ser baleado, em Cerejeiras. O ex-músico foi entubado e seria levado para Cacoal, mas não resistiu aos ferimentos de bala na cabeça.

A Polícia Militar de Cerejeiras tenta localizar os autores do crime e descobrir a motivação do assassinato.

Fonte: Folha do Sul Online

Tiros na Cabeça   Não Resistiu   Polícia Militar   CEREJEIRAS   Vilhena   Vítima  

Mais em Polícia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.