Agronegócio
Exportações brasileiras crescem 6,8% na parcial de novembro, mas agro cai 6,3%
Até a segunda semana do mês, houve registro positivo nos embarques de milho, café e algodão; vendas de animais vivos, arroz e soja tiveram queda no valor médio diário embarcado

Por Canal Rural
Publicado 16/11/2020
A A
Pixabay/StockSnap

Os resultados preliminares da balança comercial brasileira, divulgados nesta segunda-feira, 16, pelo Ministério da Economia, indicam que houve crescimento de 6,8% em valores na soma das duas primeiras semanas de novembro, em relação ao mesmo período do ano passado, atingindo US$ 8,52 bilhões.

As importações cresceram 1,5% e totalizaram US$ 6,47 bilhões. Assim, registrou-se superávit de US$ 2,05 bilhões. No acumulado de janeiro até a segunda semana de novembro, porém, houve queda de 6% dos valores, que chegaram a US$ 182,67 bilhões.

No mês de novembro até agora, embora tenha havido aumento no total das exportações do país, houve queda de 6,3% no total arrecadado pelos embarques de produtos agropecuários, que somaram US$ 1,5 bilhão. No agro, tiveram desempenho positivo milho não moído, exceto milho doce ( 31,3% a mais na comparação da média diária), café não torrado (68%) e algodão em bruto ( 58,7%).

Por outro lado, houve diminuição das vendas de animais vivos, não incluídos pescados ou crustáceos (-3,7% no valor da média diária embarcada); arroz com casca, paddy ou em bruto (-99,9%); e soja (-58,1%).

Fonte: Canal Rural

exportações brasileiras   Resultados Preliminares   balança comercial   MINISTÉRIO   Houve Queda  

Mais em Agronegócio

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.