Geral
Juros longos mais baixos vão impulsionar crescimento, diz Funchal
A medida dependerá da volta à trajetória de consolidação fiscal

Por Marcela Ayres
Publicado 26/10/2020
A A
Foto: © Edu Andrade/Ministério da Economia

O secretário do Tesouro, Bruno Funchal, afirmou nesta segunda-feira (26) que gostaria de juros longos mais baixos para impulsionar o crescimento, mas voltou a frisar que isso dependerá da volta à trajetória de consolidação fiscal.

Ao participar do X Congresso Internacional de Contabilidade, Custos e Qualidade do Gasto no Setor Público, ele afirmou que se o país não fizer seu dever de casa, os juros subirão, o que terá impacto na atividade econômica e também na despesa com juros.

Segundo Funchal, o desafio do país é travar o crescimento das despesas e voltar a ter aumento de arrecadação. Nesse sentido, ele afirmou que é preciso "endereçar grande agenda de reformas", citando iniciativas como a reforma tributária e a PEC do Pacto Federativo.

Fonte: Agência Brasil

Juros   Bruno Funchal   Consolidação Fiscal   Crescimento   Setor Público   Congresso Internacional   Juros Longos  

Mais em Geral

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.