Polícia
CRIME BÁRBARO: Mulher que participou de decapitação no Morar Melhor é presa pela Polícia Civil em Porto Velho
A mulher era considerada foragida após a deflagração da Operação “louva-a-deus” da Delegacia de Homicídios de Porto Velho.

Por Rondoniaovivo
Publicado 06/09/2020
Atualizado 06/09/2020
A A
Foto: Reprodução/Rondoniaovivo

A Polícia Civil do município de Cerejeiras  (RO) prendeu na manhã de sábado (5) uma foragida da cidade de Porto Velho - RO, suspeita da participação na morte e decapitação do jovem identificado pelas iniciais, R. A. S. S., 18 anos, ocorrido na madrugada do dia 23 de junho deste ano, no residencial Morar Melhor na capital.

Após diligências referentes à repressão ao tráfico de drogas, foi localizada a mulher identificada pelas iniciais, L. de S. N., em um estabelecimento comercial na Avenida Integração Nacional, Bairro Jardim São Paulo, sendo constada a existência de um mandado de prisão preventiva em desfavor da suspeita expedido pela 1ª Vara do Tribunal do Júri de Porto Velho.

A mulher era considerada foragida após a deflagração da Operação “louva-a-deus” da Delegacia de Homicídios de Porto Velho.

Após cumprimento do mandado de prisão, a conduzida foi encaminhada para Casa de Detenção local e ficará à disposição da justiça e será  recambiada a capital futuramente. 

Fonte: Rondoniaovivo

suspeita   Polícia Civil   Porto Velho   JOVEM   CEREJEIRAS   decapitação  

Mais em Polícia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.