Agronegócio
Apesar de queda na semana, preços da tahiti seguem elevados

Por Cepea
Publicado 21/08/2020
A A
Pixabay/PublicDomainPictures

As cotações da lima ácida tahiti seguem em altos patamares, apesar da leve retração nos últimos dias, de acordo com informações do Cepea. Na parcial desta semana (de segunda a quinta-feira), a média de comercialização da fruta foi de R$ 92,41/cx de 27 kg, colhida, leve queda de 0,6% em relação ao período anterior.

A oferta de lima ácida tahiti está reduzida e deve crescer somente a partir de meados de setembro – os frutos nas árvores ainda não estão no tamanho e estágio de maturação ideais para colheita, tendo em vista o clima seco nos últimos meses. O cenário ainda é de oferta controlada no mercado in natura, devido ao bom ritmo de moagem nas grandes indústrias paulistas.

A demanda, por sua vez, esteve mais aquecida para a laranja valência (que teve colheita intensificada nesta semana) e a tangor murcote. Assim, na parcial da semana, a laranja pera tem média de R$ 30,35/cx de 40,8 kg, na árvore, aumento de 0,8% frente à anterior.

Fonte: Cepea

Preços   Lima ácida   Leve Retração   Tahiti   Altos Patamares   Leve Queda   Cepea  

Mais em Agronegócio

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.