Política
Moro dá alfinetada: "lembro que já tivemos ministro da Saúde"
A indicação foi feita pelo ex-juiz no Twitter,

Por Notícias ao Minuto
Publicado 22/06/2020
Atualizado 22/06/2020
A A
Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo

Após o Brasil atingir a marca de 50 mil mortos pelo novo coronavírus, o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro afirmou que o País já teve ministro da Saúde. A indicação foi feita pelo ex-juiz no Twitter, ao compartilhar publicação do ex-chefe da pasta Luiz Henrique Mandetta, que por sua vez declarou que 'não queria atingir tal marca' e que 'governos passam'.

A marca de 50 mil mortes por covid-19 foi superada neste sábado, 20, pouco mais de três meses após o registro do primeiro óbito pela doença no País. Até às 13h deste domingo, 21, o Brasil totalizava 1.073.376 casos confirmados do novo coronavírus e 50.182 mortes, mostra o Consórcio de veículos de imprensa.

Mandetta deixou o Ministério da Saúde no dia 16 de abril, dispensado pelo presidente Jair Bolsonaro. Logo depois Moro deixou o cargo à frente do ministério da Justiça e Segurança Pública. Ao anunciar sua demissão, o ex-juiz acusou o presidente de tentar interferir politicamente na Polícia Federal, o que motivou a abertura de um inquérito junto ao Supremo Tribunal Federal.

O sucessor de Mandetta foi o médico Nelson Teich, que ficou somente 28 dias no cargo. Assim como seu antecessor, deixou o governo após confrontos com Bolsonaro sobre a melhor estratégia de combate à pandemia do novo coronavírus.

Desde a saída de Teich, quem comanda a pasta interinamente é o general Eduardo Pazuello, que atendeu o desejo do presidente e publicou um protocolo liberando o uso da cloroquina para todos os pacientes de covid-19 e também chegou a contrariar as recomendações do próprio Ministério da Saúde e da Organização Mundial de Saúde (OMS) participando de ato pró-governo ao lado de Bolsonaro.

Na penúltima semana, o ministro 'virou meme' após dizer que as regiões Norte e o Nordetse estavam mais ligadas ao inverno no hemisfério norte por causa da posição geográfica e assim estariam em outro momento da pandemia do novo coronavírus.

Fonte: Notícias ao Minuto

Saúde   Justiça   brasil   Sérgio Moro   Moro Afirmou   Henrique Mandetta   Segurança Pública   Brasil Atingir  

Mais em Política

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.