Agronegócio
Boi: preço do milho sobe e prejudica poder de compra do pecuarista
Scot Consultoria afirma que para o curto e médio prazo, expectativa é de cotação do milho mais firme no mercado interno, com preocupações climáticas sobre a segunda safra do grão

Por Canal Rural
Publicado 12/05/2020
A A
Foto: Madson Maranhão/Seagro-TO

Os preços do milho subiram nas últimas semanas. Segundo a Scot Consultoria, em Campinas (SP), o valor do cereal passou de R$ 50 por saca no fim de abril para R$ 52 no fechamento desta segunda-feira, 11. Com isso, a relação de troca entre o grão e o boi gordo foi prejudicada.

A empresa afirma que, considerando a praça de São Paulo, atualmente é possível comprar 3,71 sacas de milho com o valor de uma arroba de boi gordo. Na comparação com maio do ano passado, a relação de troca piorou 14,5%.

Além da retomada das altas no preço do milho, a pressão de baixa sobre as cotações do boi gordo prejudicou a relação de troca para o pecuarista nas últimas semanas.

Para o curto e médio prazo, a expectativa é de preços do milho mais firmes no mercado interno, com preocupações climáticas sobre a segunda safra. “De qualquer forma, a demanda mais fraca e a proximidade com a colheita, que ganha força em junho, são fatores limitante para os aumentos nos preços”, pondera a Soct.

Fonte: Canal Rural

Scot Consultoria   Boi Gordo   Milho Subiram   BOI   Preços   Troca   Semanas   últimas Semanas  

Mais em Agronegócio

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.