Agronegócio
Coronavírus: ministra pede que estados garantam transporte rural
Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, também fez um apelo para que os serviços aos caminhoneiros, como postos de combustíveis e restaurantes, continuem abertos

Por Canal Rural
Publicado 25/03/2020
A A
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, pediu uma atenção especial dos estados para garantir a livre circulação de linhas privadas que transportam trabalhadores do agronegócio entre as regiões. Ela também reforçou a importância de manter os corredores de escoamento operando. 

“A gente tem uma preocupação com os caminhoneiros, que são fundamentais para o agronegócio. Nós não conseguimos rodar sem eles. Nossa preocupação é que eles tenham pontos para abastecer, para comer, postos que possam atender quem tiver problemas de saúde. O Ministério da Agricultura é parceiro, e estamos juntos nisso”, disse.

Na segunda, 23, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, também reforçou a necessidade de borracharias, oficinas e pontos de alimentação continuarem abertos em todo o país. Esses comércios também são enquadrados como atividades essenciais por serem ‘acessórias’ ao transporte de cargas.

“Se matarmos o transporte rodoviário de carga, teremos o efeito da greve de 2018 somado à crise do coronavírus”, alertou Freitas.

Fonte: Canal Rural

Tereza Cristina   Ministra da Agricultura   Livre Circulação   Linhas Privadas   Regiões   trabalhadores   Agronegócio  

Mais em Agronegócio

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.