Polícia
Grávida escreve nome do suspeito com sangue antes de morrer
Vítima estava grávida de 7 meses e o feto também não resistiu. Homem foi preso horas depois. Delegado busca saber a razão do crime

Por Metrópoles
Publicado 22/01/2020
Atualizado 22/01/2020
A A
Foto divulgação

Uma mulher grávida que foi morta na noite da última segunda-feira (20/01/2020), em Anápolis (GO), conseguiu escrever o nome do suspeito com o próprio sangue antes de morrer. Ela tinha 38 anos e foi esfaqueada no pescoço por um homem.

O caso aconteceu no Jardim Alexandrina. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima estava grávida de sete meses. O suspeito foi preso.

 

Fonte: Metrópoles

Mulher Grávida   Conseguiu Escrever   última Segunda-feira   Jardim Alexandrina   ANAPOLIS   Polícia Militar   Mulher   Segunda-feira  

Mais em Polícia

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.