Política
Joice acusa filhos de Bolsonaro de chefiarem “milícia digital”
As declarações foram dadas no programa Roda Viva, da TV Cultura, nessa segunda-feira (21). A deputada se diz um dos alvos do grupo

Por OTÁVIO AUGUSTO/CARLOS ESTÊNIO
Publicado 22/10/2019
A A
Foto: Reprodução

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) acusou os filhos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) Carlos, Eduardo e Flávio de chefiarem uma rede de 1,5 mil perfis falsos para disseminação de notícias e de difamação. As declarações foram dadas no programa Roda Viva, da TV Cultura, nessa segunda-feira (21/10/2019).

Segundo a deputada, que é ex-líder do governo no Congresso, os filhos do presidente são os responsáveis por manter os funcionários que criam os perfis falsos nas redes sociais, como Instagram, WhatsApp e Twitter. Dessa forma, alimentam uma rede propulsora de informações, a chamada “milícia digital bolsonarista“.

Joice, nos últimos dias, teve uma série de desentendimentos com o clã Bolsonaro. O combustível para a polêmica foi a crise no PSL, partido do presidente.

Ela afirma que fará denúncia ao Ministério Público e apresentará queixa na Comissão de Ética da Câmara dos Deputados. “Não é só fake news, mas também campanhas de difamação. Não vou ficar apanhando e ficar quieta”, destacou, ao se dizer um dos alvos preferidos do suposto grupo.

Ela completou: “São pessoas interligadas em todo Brasil, algumas recebendo para isso e outras não. Muitos robôs. Já sabia e não estou nem aí para isso”, denunciou.

“Os ataques são por orientação dos ‘filhotes’. Eles têm o mesmo modus operandi de sempre. Criam memes e vídeos apócrifos e espalham nos grupos e páginas. Alguns perfis são fakes. Há assessores envolvidos”, afirmou a parlamentar.

Durante a entrevista, Joice criticou o que chamou de “puxadinho de família” no Planalto, em referência à influência exercida pelos filhos de Bolsonaro no governo. “Muitas vezes eu disse ao presidente: ‘Me ajude a te ajudar’. Fazer um puxadinho da família no Planalto não vai dar certo, isso é perigoso para o país”, criticou.
Apoio a Moro
Segundo ela, o governo tão tem dado o empenho necessário ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e ao pacote anticrime. Ela ressaltou que o ministro tem engolido sapos pelo bem do Brasil. “Sou Moro 100%”, ressaltou. Em outro momento, reafirmou: “Sou 100% lavajatista”.

“O ministro Sergio Moro é muito comprometido com o que o Brasil precisa”, disse. “Muitas vezes a gente tem que engolir esses sapos para avançar com as pautas importantes para o Brasil. Ele está muito comprometido em aprovar esse pacote anticrime. Eu entendo que ele passe por algum desgaste, engula outro sapo pelo bem do país, porque é um homem comprometido com o país”, avaliou.

Fonte: Metrópoles

Milicia   Joice   Acusação   Roda Viva   TV Cultura   deputada   bolsonaro  

Mais em Política

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.