Cidades
Facções ameaçam intensificar ataques em Porto Velho e polícia redobra atenção
“Festa que vai sortear mil bicicletas atrairá milhares de pessoas da região periférica e forças policiais estão alertas"

Por Bené Barbosa
Publicado 12/10/2019
A A
Foto: Reprodução

Depois de atuarem fogo em ônibus na ponte sobre o Rio Madeira e deixarem um  bilhete informando que o ataque era para demonstrar a insatisfação porque os presidiários estariam sendo “oprimidos” nas unidades de detenção em Porto Velho, um caminhão da Emdur (Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano), foi incendiado no conjunto de prédios Orgulho do Madeira, tido como um dos locais mais perigosos da capital por concentrar traficantes, lideres de facções e foragidos da policia. Como são vários e centenas de apartamentos, eles tem facilidade de mobilidade interna e escapam fácil de qualquer ação policial, além de estarem em posição privilegiada para um eventual confronto armado.
    Thiago Tezzari, superintendente da Emdur, ainda não teceu comentários sobre o ataque contra o caminhão, que fazia manutenção de rede de iluminação pública. Hoje, feriado do Dia das Crianças e dia da Padroeira do Brasil, a cidade de Porto Velho apresentou pouco trânsito e a frota de ônibus coletivos está reduzida.  A Prefeitura promoverá festa com o sorteio de mil bicicletas no Parque dos Tanques, evento que deverá atrair milhares de pessoas das regiões periféricas, situação que vai exigir vigilância redobrada das autoridades para prevenir ataques das facções criminosas que atuam dentro dos presídios e tem seus “comandos” fora da cadeia, prontos para executar ordens que resultem em caos público, como ataques a ônibus coletivos.

Fonte: Rolim Notícias

Alerta   Facções   Ameaça   ataques   Porto Velho   Polícia  

Mais em Cidades

Notificações

Se você gostou do nosso conteúdo, podemos lhe enviar notificações push sobre postagens selecionadas.