COLUNA PORTA ABERTA - Por Fernando Garcia - 29 de Dezembro de 2017
Réveillon

A cidade de Rolim de Moura, deverá  receber muitos visitantes no réveillon , em decorrência da ornamentação da Praça Durvalino Oliveira e, outras programações que acontecerão no encerrar do ano. A boa receptividade também ficará a cargo dos bons serviços, oferecidos pelos empresários da noite nos ramos de bares e lanchonetes, onde muitas novidades já estão atraindo o público de Rolim de Moura e de outras cidades. 

 

Preparados

Além dos bares e restaurantes de bons níveis para atender a clientela, vindo de outras cidades, Rolim de Moura, se destaca pela excelente rede hoteleira com padrões confortáveis  de destaque na região da Zona da Mata, sempre oferecendo um tratamento de alta qualidade nos serviços de hospedagens.

 

Aquecimento

A economia do município de Rolim de Moura, sem dúvida, este mês esteve em alta voltagem com quantia considerável oriunda dos contracheques de funcionários públicos. Toda a cadeia comercial foi bastante movimentada, principalmente a dos gêneros alimentícios que nessa época do ano, os consumidores fazem questão de extrapolar nas compras para ceia do natal.

Excelente

A construção dos estacionamentos em diversos pontos da cidade, foi uma visão muito acertada por parte do prefeito Luizão do Trento, basta olharmos a cidade nesses finais de semana, o quanto melhorou com a construção dos estacionamentos. Que no próximo ano, à administração construa em várias partes da Norte Sul, e a 25 de Agosto, outros estacionamentos que possa beneficiar empresários e clientes.

 

Aproveitar

Com a implantação da Usina de Asfalto, em Rolim de Moura desde o ano passado, temos que tirar bastante proveito a cada ano, construindo mais asfalto em muitas ruas próximo ao centro quanto nos bairros que continuam desassistidos ao longo dos anos. Muitas ruas também precisam do banho de lama asfáltico, pois, tem locais que parecem tabuleiros de pirulitos, o que dificulta bastante transitar nessas localidades.

Prova de fogo

 

A bancada federal de Rondônia na Câmara dos Deputados, provavelmente vai passar por uma prova de fogo na próxima eleição e, segundo os analistas políticos, uma renovação está prestes a acontecer. Rolim de Moura, praticamente tem a metade da bancada na Câmara Federal, e dois desses, segundo analistas de plantões, virá descansar em Rolim de Moura, por um bom período.

 

Luta pelo tri

Para o Senado, a coisa não é tão diferente, o senador Ivo Cassol, não pensa em reeleição e sim no palácio Rio Madeira, onde pretende ser o governador com três mandatos frente ao Estado. Já o senador Valdir Raupp, também tenta bater o martelo e mostrar ser o primeiro senador de Rondônia, a ter três mandatos, com uma condição de ser ininterruptos. Resta saber se ambos terão sinal azul para alavancar suas candidaturas na época das convenções.

 

Ventilados

As pré-candidaturas para deputado estadual em Rolim de Moura, os nomes mais ventilados continuam sendo dos vereadores delegado Morari e Alissom Ferreira, continuam sendo destaque no cenário local. O jovem médico Dr. Ferrari, também é outro nome que continua avançando no quadro estadual e, vem ganhando notoriedade com os serviços prestados pela sua fundação, diga-se de passagem, melhor do que a antiga fundação de Olavo Pires, pois, os serviços oferecidos pela sua fundação são de exames de alta complexidade.

 

Polêmica

A coluna analisa uma virtual descida do deputado federal Luiz Cláudio, uma candidatura para deputado estadual, onde transitou por dois mandatos consecutivos, sendo inclusive muito atuante e ocupando espaço de relevância. Com a vontade de Jaqueline Cassol, em disputar uma cadeira na Câmara Federal, evidentemente o espaço para  as duas candidaturas se tornam inviável para o projeto político do irmão de Jaqueline, senador Ivo Cassol.

Candidatura

Continua repercutindo muito uma candidatura de Confúcio Moura, rumo ao Senado Federal, em 2018. Fontes do PMDB, ligadas ao senador Valdir Raupp, garantem categoricamente que o acordo já está selado entre ambos. Tudo bem! Pelo PMDB, certamente é que não será uma futura candidatura de Confúcio, mas, sim por outra agremiação partidária tudo pode acontecer. Na política não existem adversários que não se aliem e amigos que não se separem, portanto, todo cuidado é pouco.

 

Sobriedade

O ex-senador Expedito Júnior, continua na sua árdua labuta diária de fazer política, visitando vários municípios e suas lideranças políticas. Vivenciando um momento ímpar, Expedito Júnior, em suas declarações sobre possíveis candidaturas, se ao Governo do Estado ou ao Senado, tem mantido o tom comedido em suas entrevistas. Tem se mantido calmo e sereno, sem atacar ninguém ou instigando, vai caminhando de passos lentos e firmes para chegar ao objetivo em 2018.

 

Maturidade política

Com a experiência de nove candidaturas em sua trajetória política, Expedito é sabedor que não pode escorregar com declarações medíocres num pleito eleitoral, até porque, caso saia candidato ao Governo do Estado, certamente precisará, de fazer alianças políticas para atingir o objetivo. Se for candidato ao Senado e, se eleger, provavelmente deverá apoiar um dos candidatos no segundo turno das eleições. Sabedor desses ingredientes políticos, e com maturidade elevada diante das várias candidaturas e mandatos eletivos, Expedito Júnior, vem mantendo a cordialidade com amigos e adversários políticos.