Travestis são presas vendendo drogas em ponto de programas sexuais, em RO
Três travestis foram presas por suspeita de comercialização de drogas em um ponto utilizado para marcar programas sexuais em Cacoal (RO), a 480 quilômetros de Porto Velho. As prisões foram entre a noite de sexta-feira (6) e este sábado (7). De acordo com a Polícia Militar (PM), além dos programas sexuais, as suspeitas usavam o local para vender o entorpecente.

Conforme o capitão da PM, Antônio Rodrigues de Matos, depois de alguns dias de investigação a polícia descobriu que os suspeitos utilizavam o ponto de prostituição na Avenida Amazônia apenas de fachada, pois o foco deles era a comercialização de drogas.

“Fizemos um levantamento e descobrimos que, durante a noite, eles não faziam nenhum programa sexual, mas toda hora chegava usuários para comprar drogas com eles. Assim, concluímos que o local era usado apenas para encobrir a venda de entorpecentes”, revela.

Durante a ação foram apreendidas certa quantia de pedras de crack e três travestis suspeitas de comercializar a droga foram presas no local.

“Depois de confirmar a participação dos suspeitos, realizamos a abordagem e conseguimos apreender uma parte do entorpecente com eles. O restante foi localizado escondido em um terreno baldio próximo do ponto. Também foram localizados alguns materiais utilizados para embalar a droga”, conta.

A droga e as suspeitas foram encaminhados para a delegacia, onde ficaram à disposição da Justiça.